Sem papel, sustentável e consultiva 2  (1).gif

Pix bate novo recorde e existem mais chaves cadastradas que brasileiros no país

O número de chaves no país já ultrapassa a marca dos 400 milhões.

Pexels

O Pix, sistema de transferência instantânea do Banco Central (BC), segue batendo recordes e se consolidando no mercado brasileiro e, segundo dados da própria autarquia, já foram cadastradas mais chaves na ferramenta do que existem brasileiros no país.


Até julho deste ano, foram registradas 478 milhões de chaves Pix, duas vezes mais que os 214,9 milhões de habitantes do Brasil.


De acordo com o levantamento do BC, o Pix já ultrapassa outros meios de pagamento consolidados, como o cartão de débito e transferência bancária tradicional, sendo que 95% das chaves cadastradas atualmente são de pessoas físicas.


Do seu lançamento, em novembro de 2020, até julho de 2022, o número de usuários triplicou, passando de 41 mil para 131 mil.


O tipo de chave mais utilizado pelos usuários é o aleatório, com 190 milhões de chaves deste tipo (39,8% do total), no qual uma combinação de números e letras é fornecido para que a realização seja realizada.


Na sequência, o CPF é o mais utilizado com 22,7% do total, seguido pelo número de celular (21%) e e-mail (14,7%).


Apenas em julho, o sistema Pix recebeu 2 trilhões de transferências, movimentando R$933 bilhões.


No período avaliado, o Pix Saque e Pix Troco, que tiveram a menor adesão até agora, movimentaram juntas 270 mil transações.


Fonte: Portal Contábeis

Sem papel, sustentável e consultiva 2  (1).gif